A mente que mente é regador de ilusões não faz proliferar jardim...

Amigos que agente faz por ai...

quarta-feira, janeiro 04, 2012

ATUALIDADE: Nova lei não permite criança com menos de 6 anos na primeira série do ensino fundamental. O que pensar sobre isso?



Carol tem 5 anos e completará 6 somente em maio. É uma garotinha muito esperta e inteligente, que apesar da pouca idade, já lê algumas palavras e consegue fazer pequenas operações matemáticas... Porém, devido a nova Lei (que existe desde 2007, mas que sai do período de transição em 2012),  ela não ingressará no primeiro ano do ensino fundamental. Carol irá refazer a última série do ensino infantil.

E o que pensar sobre o caso de Carol e de muitas outras crianças?

Pais se revoltam e entram na justiça para conseguir uma autorização para que seu filho com menos de 6 anos consiga ingressar na primeira série. Esses pais alegam que se a criança tem capacidade intelectual para avançar uma série, não tem porque ela permanecer no ensino infantil independente da idade. Será que essa questão é tão simples assim? Não basta os pais "acharem" que o filho é capaz de tal avanço escolar sem se basearem em dados reais sobre o nível de desenvolvimento psicológico, cognitivo e social da criança.

A primeira coisa que precisamos analisar é que normalmente esses pais têm uma visão pequena do que é  frequentar a escola. Para muitos, ir à escola significa apenas aprender a ler, escrever, fazer contas, entender a história e tudo mais que se aproxima do desenvolvimento cognitivo (do pensamento). Porém, numa ampla e sábia visão, vemos que a escola é muito mais do que isso. É no ambiente escolar que a criança descobre e desenvolve seus dons, desenvolve o sistema neurossensório motor, aprende a viver em sociedade (socialização), conquista o discernimento, a disciplina, amadurece quanto pessoa (se desenvolve no sentido psicológico) etc... E todo esse aprendizado somente se dá se a criança está amadurecida o suficiente para enfrentar o nível de dificuldade que cada série traz. Ela só irá assimilar determinado conteúdo se estiver na série correta com sua idade cronológica e mental. 

Portanto, é de extrema IMPORTÂNCIA que a criança viva intensamente o LÚDICO que o ensino infantil promove.  A idade entre 5 a 7 anos é propícia para o desenvolvimento da criatividade e imaginação, o que futuramente irá fazer com que o adulto que vivenciou essa etapa quando criança, seja rápido em relação ao pensamento, inteligente para achar diversas soluções para um determinado problema e etc...Ou seja, crianças que têm o ensino infantil anulado nessa fase, podem ter sérios problemas de aprendizado na séries seguintes e até para enfrentar dificuldades no mercado de trabalho quando adultos.

Não basta a criança ler e escrever perfeitamente para avançar para o ensino fundamental. Você analisou se ela tem o desenvolvimento social, neurossensório motor, psicológico e escolar (que envolve a disciplina para os estudos) ideal para avançar uma série?

Fica claro que a decisão de pais ansiosos que querem que os filhos frequentem o ensino fundamental mesmo antes dos 6 anos não deve ser baseada apenas em "achismos". É necessário uma avaliação elaborada por profissionais. Caso  tenha dúvidas, procure um psicólogo ou psicopedagogo para tal avaliação e se for concluído que a criança está totalmente amadurecida para avançar uma série, isso poderá ser levado em conta na hora da matrícula.


Se você é pai e acha que se o seu filho ficar mais um ano no ensino infantil ele ficará desestimulado, mais uma vez digo que você precisa ampliar seus conhecimentos na área da educação. Pois ficar mais um ano no ensino infantil não causará mal algum para a criança, pelo contrário, irá prepará-lo para enfrentar todas as dificuldades que o aprendizado traz, já que aprender envolve muito mais do que a capacidade intelectual. 




FICA A DICA: Pais, deixem de ser ansiosos para a entrada do seu pequeno no ensino fundamental. Deixe que ele aproveite sua infância plenamente, pois isso é de extrema importância para que mais adiante ele seja amadurecido o suficiente para ser disciplinado com os estudos e encarar com naturalidade e não com dificuldades e sofrimento.

Ana Paula Miessi Sanches (Psicóloga Infantil).

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Este blog foi criado para trocar idéias e compartilhar saberes. Que bom que você passou por aqui se desejar deixe um recadinho...
E desde então, sou porque tu és
E desde então és
sou e somos...
E por amor
Serei... Serás...Seremos...
Pablo Neruda
OBRIGADA PELA LEITURA...

Postar um comentário